quarta-feira, 18 de março de 2009

Renovar ou não renovar


E de repente tudo mudou. Jesualdo Ferreira técnico que levou o FC Porto a dois títulos nacionais - e que pode este ano conquistar um terceiro -; que venceu por duas vezes o seu grupo na Liga dos Campeões; que nessa competição apurou duas vezes a equipa para os oitavos-de-final e uma para os «quartos» deve ou não renovar o seu contrato?

Esta é a questão do momento e que tem dado azo às mais diversas interpretações. Uns defendem que Jesualdo merece mais um ano, outros defendem que deveria sair. A verdade é que o técnico nunca conquistou o exigente público do Dragão.

Várias criticas lhe foram feitas em anos anteriores sustentadas pelo facto de Jesualdo não ter tido a necessidade de «montar» uma equipa. Esta época tudo mudou. Jesualdo perdeu a asa direita da equipa tricampeã com as saídas de Bosingwa e Quaresma, perdeu ainda um super-Tarik que esta temporada anda eclipsado, teve novamente que lidar com o problema da lateral-esquerda e, a verdade, é que quando a temporada futebolística entra na sua fase decisiva, o FC Porto tem tudo para conquistar o campeonato, pode sonhar com a chegada às «meias» da Champions e a tudo isto pode juntar uma vitória na Taça de Portugal. Em Outubro, nem os mais optimistas deveriam pensar que, em Março, o cenário seria tão positivo.

Os números defendem a continuidade de Jesualdo, mas há sempre o outro lado da moeda. Os adeptos nunca apoiaram o técnico terão cometido muitas vezes essa injustiça, mas noutras tanta tiveram razão para o fazer. Jesualdo por várias abdicou da identidade da equipa para jogar na retranca e os portistas não gostam de técnicos assim. Por outro lado tem os resultados e é por isso mesmo que defendo a não continuidade de Jesualdo Ferreira na próxima temporada. Provavelmente sairá com três campeonatos no bolso e deixará o Dragão pela porta grande. Jesualdo pode ter muitos defeitos mas merece e de que maneira este prémio.

Por outro lado o FC Porto entrou numa fase da sua expansão onde dentro de portas é difícil crescer mais, restando-lhe virar-se para a Europa, onde ainda tem que subir alguns degraus para entrar naquele restrito grupo que faz a elite e Jesualdo não me parece ser o homem para cumprir tal missão.

De todo o modo aceito as mais variadas interpretações e por isso acho pertinente abrir uma nova sondagem. Deve Jesualdo Ferreira renovar com o FC Porto? Participem!!

FOTO: AP

4 comentários:

rui disse...

"Por outro lado o FC Porto entrou numa fase da sua expansão onde dentro de portas é difícil crescer mais, restando-lhe virar-se para a Europa, onde ainda tem que subir alguns degraus para entrar naquele restrito grupo que faz a elite e Jesualdo não me parece ser o homem para cumprir tal missão."

O futebol do Jesualdo pode nao ser muito bonito mas uma equipa, com os meios muito inferiores a todas as outras, que está sp nas 16 melhores da europa não está na elite do futebol? O que é a elite? Que outros clubes (com menos recursos) sao capzes daquilo que o porto JÁ faz? Quer se queira, quer não, o porto já faz parte da "elite" e querer mais do que oitavos _(de forma regular) é já uma tarefa gigantesca para o nosso futebol.


Por mim nao me importava que Jesualdo renovasse se com isso significasse que po ano haveria de ganhar mais um campeonato e mais uns oitavos, ate pk o futebol do porto nem é o mais bonito, mas tb nao é do mais feio...

RuiBonga

Anónimo disse...

O Jesualdo ferreira vai ficar mais um ano no Porto.

Se é que já não renovou,mas pelas informações que tive parece que sim.

FORÇA Professor!!

Mendes disse...

Nem Adriense com o seu kamikaze 3-4-3 era tão odiado, porquê ?

Porque o holandês nunca se "apequenou" e sempre jogou um futebol de ataque.
JF por outro lado joga sempre para o meio a zero, é sempre demasiado cauteloso. Depois faz/consente despensas desnecessárias, e insiste em bestas como o Mariano - não dá para perceber.
JF por muito que perceba de futebol só vem provar algo que foi dito há não tanto tempo assim :

No Porto todos correm o sério de serem campeões

Carlos Saraiva disse...

Caro Rui quando falo em elite europeia refiro-me às equipas que normalmente são candidatas a chegar pelo menos às meias-finais da Champions e digo-o dentro de um contexto de crescimento do FC Porto. De resto, concordo quando diz que estar constantemente nos oitavos já é uma tarefa notável para um clube de um país com a dimensão do nosso.

Caro anónimo das 10:46 de Jesus a Paulo Bento passando pela continuidade de Jesualdo até à chegada do próprio CArlos Azenha já ouvi um pouco de tudo. Esperar para ver.

caro Mendes convenhamos que Adriaanse não é, de todo, um bom termo de comparação.